Essência Feminina - Cânticos de Poder e Reconexão

A essência feminina, mãe de aspectos interiores fundamentais para o nosso equilíbrio como a nossa intuição, sensibilidade, flexibilidade, força criativa e agregadora ... está a ressurgir em cada um de nós como uma fonte de poder pessoal e como um elo de ligação com a Mãe Terra. Intimamente relacionada com a nossa mais profunda liberdade, a manifestação da essência feminina em nós, requer grande honestidade no reconhecimento das nossas tensões interiores e dos nossos padrões de comportamento prejudiciais.

Um dos graves problemas que surge na nossa sociedade, no que diz respeito ao profundo entendimento deste poder feminino, é o pressuposto que, para ele se manifestar, terá que actuar como uma força contrária ao poder patriarcal instaurado, um pressuposto que dá origem a movimentos que são, na verdade, contrários ao que é próprio da essência feminina. Estes movimentos formam-se no inconsciente e estão relacionados com sentimentos de revolta, frustração e de falta de auto-estima.  

A essência feminina nunca se manifesta por via de forças negativas e segmentadoras. A energia da essência feminina está directamente ligada à Sabedoria, que poderemos colher através da reconexão com a nossa própria Sabedoria Interior, e com as Mães que fazem parte do tecido universal, ligado à cura, à revelação e à iluminação de todos os seres do seio divino da existência. A Sabedoria que sempre nos encaminha no sentido da Paz entre todos os seres.

Com recurso ao poder do canto e da oração, à luz de Maria, Rainha Santa Isabel, Santa Teresa D'Ávila, Kuan Yin, Yemanjá e de todas as Mães Ancestrais ligadas à ascenção da Mãe Terra, e que nos amparam no nosso caminho de cura, dedicaremos, em conjunto, momentos de profunda gratidão à Grande Sabedoria, que garante a manifestação da verdade na matéria. O sentimento de gratidão será nesta sessão, a chama acesa no interior, para a nossa profunda comunhão com a Essência Feminina.

Este será um círculo feminino apenas no sentido energético da palavra. A presença de homens na sessão é, portanto, muito bem vinda! 


Cânticos para a expressão tribal e espontânea, auto-expressão, introspecção e conexão com o Campo Sagrado.

Instrumentos: Tambor Xamânico, Tambor Oceânico, Koshis.

Contribuição: Donativo Consciente

Dia 17 de Novembro

18:00 - 21:00

Centro Cultural de Rio Tinto

Com Ana Maria Pinto